O Caminho de Nostradamus

Ir em baixo

O Caminho de Nostradamus

Mensagem por Valdeci C. de Souza em Qui Jun 28, 2012 10:13 am


Os escritores Dominique e Jèrôme Nebécourt criaram um romance capa espada para narrar às aventuras e desventuras do famoso médico, astrólogo, ocultista e profeta Nostradamus. Na verdade o livro O Caminho de Nostradamus procura contar a história deste místico antes dele se tornar o profeta mundialmente famoso e requisitado que hoje conhecemos pelo nome de Nostradamus. Em suas páginas o leitor encontrará reviravoltas nos destinos de vários personagens, assim como os assassinatos de outros, estupros de mulheres indefesas e desejadas por poderosos da corte, intrigas palacianas e a luta pelo poder. Além é claro de ter uma visão das perseguições e percalços que Nostradamus sofreu até tornar-se o astrólogo oficial da corte de Catarina de Médicis na França.

Na cidade de Provença em 1533, Michael de Nostradamus é considerado um herege pela igreja católica que coloca máquina da inquisição em seu encalço. Apesar de gozar de boa fama e respeitabilidade nas suas primeiras premonições é perseguido implacavelmente pela inquisição sob comando de Ochoa que deseja queimá-lo vivo em praça pública. Temendo pela própria vida foge para Paris com seu avô Jean. Na fuga seu avo revela ao neto, antes de ser assassinato por Ochoa, a origem da família: eles são descendentes da tribo israelita de Issacar e, por natureza, guardiões dos segredos do destino humano. Seu nome secreto éprova de sua missão: Nostra Damus. “Nós damos o que possuímos.”


Nostradamus
Em Paris Nostradamus instala-se, a princípio como perfumista, mas continua seus estudos sobre ocultismo e astrologia. Sua fama de fazer horóscopos é logo aceita pelo povo da grande cidade e acaba conquistando os poderosos da corte com suas previsões e também por suas poções mágicas baseadas em ervas, chás e emplastros. Com a fama que cresce dia após dia é requisitado então por Catarina de Médicis para fazer previsões sobre a sucessão de Francisco I rei da França e seu sogro. Como era casada com Henrique, segundo na linha de sucessão, tinha grande interesse em saber seu futuro e a possibilidade de tornar-se um dia rainha. Como as previsões de Nostradamus mostravam que Catarina de Médicis um dia tornar-se-ia rainha a ligação entre ambos se estabeleceu de forma duradoura e bastante íntima. Era difícil para ela aceitar este realidade já que seu marido era o segundo na linha de sucessão e só com a morte do rei e seu primogênito este fato se realizaria. Por dez anos de casamento não conseguiu engravidar e sua situação estava muito complicada na corte. Suas angústias só aumentavam na medida em que não conseguia herdeiros. Todavia Nostradamus continuava a afirmar que seria Rainha da França e teria papel importante na história mundial.

A história nos conta que Catarina de Médicis tornou-se Rainha de França quando ascendeu ao trono seu marido em 31 de março de 1547 até enviuvar em 19559. Será de novo rainha em 1574-89, Regente da França em 1552 (na curta campanha de Henrique II na Lorena) e de 1560 a setembro de 1574. Após a morte do marido, Catarina tornou-se regente de dois filhos, primeiro Francisco II e depois Carlos IX e Rainha-Mãe de Henrique III. Uma das personagens mais influentes das guerras da religião francesas foi uma das responsáveis pelo Massacre da noite de São Bartolomeu (prevista por Nostradamus), ocorrido durante as comemorações do casamento de sua filha Margarida de Valois, futura Rainha Margot, com o protestante Henrique de Navarra, futuro Rei Henrique IV.


Catarina de Médicis
Tendo como pano de fundo estes fatos históricos os autores misturam romances ficcionais e personagens interessantes para levar o leitor à última página. O livro capta a atenção já que tais personagens e situações tornam a leitura uma verdadeira saga de vingança, luta pela honra e, acima de tudo, a batalha entre a inteligência e a intransigência da igreja que queria manter o populacho na ignorância para melhor aprisioná-lo em suas teias de pecado e submissão.

Esta leitura é útil na medida em que o incita o leitor a buscar mais informações sobre Nostradamus e o contexto histórico daqueles tempos. Só assim será possível entender melhor tudo o que se passou com os personagens reais retratado no livro e assimilar a importância que ainda hoje possui este homem que todos chamam de Nostradamus. Suas profecias ainda estão na mídia e o livro intitulado “O Livro Perdido de Nostradamus” recentemente encontrado na Biblioteca do Vaticano, ainda está em estudos para autenticação de sua autoria, bem como a exatidão das previsões nele impressas. Por muito tempo ainda ouviremos falar deste astrólogo uma vez que suas escritas ainda prevêem fatos futuros.
avatar
Valdeci C. de Souza

Mensagens : 65
Data de inscrição : 27/06/2012
Idade : 61
Localização : Cachoeirinha

Ver perfil do usuário http://maisde140caracteres.wordpress.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum